José Rui Ribeiro dos Santos é Mestre em Arqueologia e Ambiente pela Universidade de Évora, com a dissertação intitulada “Um olhar sobre o Quotidiano de Évora no período medieval- islâmico. Séculos VIII a XI.

É Membro colaborador do CIDEHUS (Centro Interdisciplinar de História, Culturas e Sociedades) – Linha 2, desde Fevereiro de 2013.

Desde Maio de 2016 é assistente convidado nas disciplinas de História de Portugal Medieval I e História Medieval I na Universidade de Évora.

No CNIT 2016 irá apresentar:

«Évora islâmica: das fontes literárias à materialidade arqueológica»

A presente comunicação consiste numa abordagem histórica – arqueológica ao período de domínio islâmico na cidade de Évora, desde os inícios, no século VIII d. C. até à conquista cristã no século XII d.C. A amostra material em estudo resulta de uma sistematização dos vestígios arqueológicos de cronologia medieval – islâmica e é proveniente de 16 intervenções arqueológicas com diferentes características, ocorridas em Évora desde os finais da década de 1970 até ao presente. Procedeu-se ao estudo da tecnologia de produção, morfologia e funcionalidade, ornamentação e iconografia, da cerâmica, o que transmite informações acerca dos hábitos alimentares e cultura destas populações e permitirá entender as relações comerciais intrínsecas que transportaram a cidade a uma escala supre – regional e a integraram no al-Andalus. Relacionou-se a componente material com as fontes literárias existentes, por forma a um entendimento abrangente da evolução urbana e histórica da cidade durante este período.